quarta-feira, 4 de setembro de 2019

COLORADO RIBEIRÃO LAGER

Diagnóstico

Esta Premium Lager paulista tem espuma branca, média e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-escuro. Aroma: leve malte, lúpulo moderado, maracujá e uva. Sabores inicial e final: leves dulçor e amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Lager refinada, com nuances de lúpulo nobre herbal e com nuances de frutas tropicais como maracujá. Bem diferenciada da média do estilo, mas mantendo-se fiel a ele. Altíssimo custo-beneficio. Garrafa de 600ml adquirida por R$ 9 no supermercado Cidade Canção, em Cornélio Procópio-PR. Copo recomendado: Lager Glass.

Nota: 30 skol ou 3.5/5.0

Leia mais em

terça-feira, 3 de setembro de 2019

AMPOLIS FORÉVIS

Diagnóstico

Esta Session IPA carioca tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo claro, borbulhante e amarelo. Aroma: malte leve, lúpulo moderado, flores e laranja. Sabor inicial: moderado dulçor e leve amargor. Sabor final: leves dulçor e amargor; longa duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Amargor lupulado resinoso equilibra bem o delicioso dulçor frutado lembrando abacaxi e laranja e semelhante aos de algumas Belgian Blond Ale. Gratíssima surpresa. Alto custo beneficio e drinkability. Garrafa de 350ml adquirida por cerca de R$ 7 na Cia das Bebidas, em Cornélio Procópio-PR. Copos recomendados: English  Pint, Stem Glass, Shaker e Tumbler.

Nota: 120 skol ou 3.7/5.0

Leia mais em

segunda-feira, 2 de setembro de 2019

JÚPITER GATO PRETO

Diagnóstico

Esta Black IPA paulista tem espuma pequena, marrom-clara e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo opaco e negro. Aroma: malte moderado, pão preto, caramelo, leve lúpulo e pinho. Sabores inicial e final: leve dulçor e moderado amargor; média duração. Paladar; corpo médio, textura aguada/oleosa, forte carbonatação e final metálico. Bom amargor de lúpulo permeado por background maltado. Lembrança de café no paladar. Saborosa, equilibrada. O perfil de pinho do aroma permanece no sabor. Garrafa de 310ml adquirida por R$ 9,17 através do site beer.com.br. Copos recomendados: Shaker e Tulip.

Nota: 60 skol ou 3.2/5.0

Leia mais em

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

PLIER ZERO



Descrição comercial

O sabor da responsabilidade.

Diagnóstico

Esta No Alcohol Beer catarinense tem espuma volumosa, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Excelente formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-claro. Aroma: malte moderado, pesada levedura e massa de pão. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor e suave amargor; longa duração. Paladar: corpo leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálica. A lata contribui para a aparência abaixo da media desta cerveja. Sabor com considerável presença de malte e lembrança de milho fervido e massa de pão.

Nota: 1,2 skol ou 1.6/5.0

Leia mais em

quinta-feira, 29 de agosto de 2019

JORGE & MATEUS PALE ALE

Diagnóstico

Esta American Pale Ale paulista tem espuma volumosa, esbranquiçada e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo translúcido e âmbar. Aroma: leve malte, lúpulo moderado e herbal. Sabores inicial e final: moderado dulçor e leve amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada/oleosa, forte carbonatação e final metálico. Sabor bem maltado, parece ser feita mais “popular” de propósito, mas bem aquém do potencial do estilo. Traz lembrança de caramelo, bem restrita. A inserção da carbonatação no sabor lembra também água tônica. Copos recomendados: Lager Glass, Shaker e Tulip. Garrafa de 500ml adquirida por R$ 8,41 através do site beer.com.br.

Nota: 10 skol ou 2.5/5.0

Leia mais em

quarta-feira, 28 de agosto de 2019

JORGE & MATEUS BOHEMIAN PILSENER

Diagnóstico

Esta Czech Pilsener tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado, pão branco, leve lúpulo e herbal. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: leves dulçor e amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Sabor maltado, com boa mordida carbônica e leve amargor lupulado equilibrando. Cerveja com boa drinkability, refrescante. Copos recomendados: Dimpled Mug, Flute e Footed Pilsener. Garrafa de 500ml adquirida por R$ 8,41 através do site beer.com.br.

Nota: 7 skol ou 2.8/5.0

Leia mais em

terça-feira, 27 de agosto de 2019

JORGE & MATEUS BELGIAN BLOND ALE

Diagnóstico

Esta Blond/Golden Ale paulista tem espuma branca, média e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado, lúpulo moderado, pêssego, abacaxi e álcool. Sabores inicial e final: moderado dulçor e leves acidez e amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final gredoso. Saboroso dulçor maltado e frutado. Boa mordida carbônica. O amargor é gredoso, lembrando casca de fruta e não lúpulo, em minha opinião, desagradável e não casando com o estilo. Garrafa de 500ml adquirida por R$ 8,41 através do site beer.com.br. Copos recomendados: English Pint e Shaker.

Nota: 30 skol ou 2.9/5.0

Leia mais em

segunda-feira, 26 de agosto de 2019

JORGE & MATEUS WITBIER

Descrição comercial

Essa Witbier à base de trigo combina sementes de coentro com cascas de laranja e, no primeiro gole, você vai ver que é amor. Uma cerveja belga, de cor amarelo palha, espuma cremosa e aroma adocicado - extremamente refrescante e prazerosa de beber. Saúde!

Diagnóstico

Esta Witbier paulista tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo turvo e amarelo-escuro. Aroma: leve malte, cítrico de limão e leve levedura. Sabor inicial: moderado dulçor e leve acidez. Sabor final: leves dulçor, acidez e amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura seca, forte carbonatação e final levemente adstringente. Dulçor maltado, com leve presença de banana. O background tradicional ácido com presença de limão está presente, trazendo ótimo equilíbrio e refrescancia. Boa drinkability. Garrafa de 500ml adquirida por R$ 8,41 através do site beer.com.br. Copos recomendados: Weizen e Tumbler.

Nota: 20 skol ou 2.7/5.0

Leia mais em

sexta-feira, 23 de agosto de 2019

JORGE & MATEUS PREMIUM AMERICAN LAGER

Descrição comercial

Você pode se aventurar em diferentes estilos, mas o sabor da Premium American Lager permanecerá em sua memória: suave, refrescante e inesquecível. Uma cerveja puro malte, leve, límpida e fácil de beber. A Premium American Lager é democrática: agradável para todos os paladares em qualquer situação.

Diagnóstico

Esta Pale Lager paulista tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo claro e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado e pão branco. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor e suave amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Saboroso dulçor maltado, lembrando biscoito e caramelo. Acima da média das puro malte brasileiras, mas falta um pouco de amargor no final para dar equilíbrio. Mesmo assim saborosa e com boa drinkability. Copo recomendado: Lager Glass. Garrafa de 500ml adquirida por R$ 8,41 através do site beer.com.br.

Nota: 10 skol ou 3.1/5.0

Leia mais em

quinta-feira, 22 de agosto de 2019

JORGE & MATEUS WEISS

Descrição comercial

Produzido à base de trigo, o estilo Weiss te convida a saborear uma cerveja artesanal refrescante, efervescente com final doce e seco. Logo nos primeiros goles, você irá descobrir ainda mais o gosto pelos sabores e aromas que só as cervejas artesanais tem a oferecer; experimentar essa Weiss é um caminho sem volta no melhor dos sentidos.

Diagnóstico

Esta Hefeweizen paulista tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo turvo e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado, leve levedura e banana. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor e suave amargor; média duração. Paladar: corpo médio, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Sabor lembra banana como apregoam as diretrizes do estilo, mas apresenta proporção de malte bem maior que o normal, o que, em minha opinião, desvirtua o tradicional estilo alemão. Ainda assim, traz boa drinkability. Copo recomendado: Weizen. Garrafa de 500ml adquirida por R$ 8,41 através do site beer.com.br.

Nota: 11 skol ou 2.3/5.0

Leia mais em

quarta-feira, 21 de agosto de 2019

JORGE & MATEUS GERMAN PILSENER

Descrição comercial

Dourada, límpida e refrescante, a German Pilsener é uma ótima pedida para aqueles dias quentes que pedem por uma cerveja gelada. O aroma elegante se apresenta acompanhado de amargor na medida certa e da espuma branca cremosa de longa duração, característica marcante de uma verdadeira German Pilsener.

Diagnóstico

Esta German Pilsener paulista tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo claro, borbulhante e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado e caramelo. Sabor inicial: moderado dulçor e leve amargor. Sabor final: leves dulçor e amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Amargor de lúpulo (leve herbal) equilibra bem o dulçor maltado. Boa drinkability. Copos recomendados: Flute e Footed Pilsener. Garrafa de 500ml adquirida por R$ 8,41 através do site beer.com.br.

Nota: 12 skol ou 2.7/5.0

Leia mais em

terça-feira, 20 de agosto de 2019

INVICTA INICIAÇÃO

Diagnóstico

Esta Kristallweizen paulista tem espuma volumosa, cremosa, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo turvo e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado, leve levedura e banana. Sabor inicial: leve dulçor. Sabor final: leves dulçor e amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Leve dulçor de banana no background, com intensidadade bem menor que bons exemplares alemães do estilo. Bem uma weissbier para iniciantes mesmo, boa drinkability, mas bem desinteressante e básica. Garrafa de 500ml adquirida por R$ 7,95 através do site beer.com.br. Copo recomendado: Weizen.

Nota: 3 skol ou 2.2/5.0

Leia mais em

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

MIKKELLER PASSION WOOD WILL FALL DOWN

Descrição comercial

Acidez pungente combinada com dulçor xaroposo. Uma cerveja preenchida com maracujá e ótima para degustar em dias quentes de verão, sejam eles felizes, tristes ou para quando a madeira estiver caindo.

Diagnóstico

Esta Berliner Weisse - Flavored dinamarquesa tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo claro, borbulhante e amarelo. Aroma: malte moderado, cítrico de limão, levedura moderada e maracujá. Sabores inicial e final: leve dulçor e moderada acidez; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura seca, forte carbonatação e final moderadamente adstringente. Sabor bem ácido, lembrando limão de forma mais presente e maracujá no background. Refrescante, com boa drinkability. Garrafa de 330ml adquirida por R$ 8,31 através do site beer.com.br. 

Nota: 25 skol ou 3.0/5.0

Leia mais em 

sexta-feira, 16 de agosto de 2019

BIER HOFF MANDARINO WEISSE



Descrição comercial

A Bier Hoff Mandarino Weisse foi criada para os apreciadores das cervejas de trigo que estavam em busca de sabores mais ousados, que se diferenciassem das tradicionais Weizen da escola alemã. A nossa mais nova cerveja de trigo usa lúpulos aromáticos com perfis cítricos e frutados, os quais conferem ao produto um agradável aroma de tangerina e frutas cítricas.

Diagnóstico

Esta Hefeweizen paranaense tem espuma pequena, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho Corpo turvo e amarelo-escuro. Aroma: cítrico de limão, moderada levedura e banana. Sabor inicial: moderado dulçor e leve acidez. Sabor final: moderado dulçor e suave amargor; longa duração. Paladar: corpo médio-cheio, textura aguada/oleosa, forte carbonatação e final gredoso e levemente adstringente. Dulçor tradicional com banana e baunilha, mas leve presença ácida lembrando limão (ou tangerina, como sugerido no nome da cerveja), dá um charme especial, sem desvirtuar o estilo. No entanto, falta equilíbrio ao dulçor, que continua presente em boa proporção até o final do gole, sem a acidez inicial. Copo recomendado: Weizen.

Nota: 50 skol ou 3.4/5.0

Leia mais em

quinta-feira, 15 de agosto de 2019

SELKI EXPORT

Diagnóstico

Esta Pale Lager catarinense tem espuma volumosa, branca, borbulhante e com bolhas, de reduzida longevidade. Excelente formação de colarinho. Corpo transparente, borbulhante e amarelo-pálido. Aroma: malte moderado, pão branco e massa de pão. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor e suave amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Sabor com dulçor bem maltado e levíssimas notas de mel, fugindo ligeiramente da media comercial brasileira; lembrança de pão branco no paladar, caracterizando-a como o tradicional pão liquido. 

Nota: 4 skol ou 2.2/5.0

Leia mais em

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

PROVIDÊNCIA BODEBROWN SESSION IPA

Descrição comercial

As cervejarias Providência e Bodebrown elaboraram essa Session IPA lançada em meados de 2015. A receita possui 4,7% de teor alcoólico, 40 IBUs e será comercializada em chope e no formato de 500ml.

Diagnóstico

Esta Session IPA paranaense tem espuma volumosa, esbranquiçada e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado, caramelo, lúpulo moderado e maracujá. Sabor inicial: moderado dulçor e leve amargor. Sabor final: leve dulçor e moderado amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Dulçor maltado (lembrança de caramelo) e com lembrança de maracujá. Suave e equilibrada, com boa drinkability. Copos recomendados: English Pint, Shaker, Stem Glass e Tumbler.

Nota: 40 skol ou 3.1/5.0

Leia mais em

terça-feira, 13 de agosto de 2019

OEDIPUS THAI THAI

Descrição comercial

Em nosso esforço para fazer uma tripel um pouco mais excitante que a maioria dos exemplos disponíveis, nós decidimos condimentá-la como um prato tailandês. Capim-limão, raiz de galangal, casca de laranja e pimenta dedo-de-moça junto com lúpulos exóticos adicionados ao final da receita compõem esta Tripel.

Diagnóstico

Esta Tripel holandesa tem espuma pequena, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo translúcido e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado, cítrico de laranja, coentro e álcool. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor, leve amargor e com toques salgados; longa duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Apesar dos vários ingredientes na receita, o que mais prevaleceu para mim no aroma foi a presença de álcool. Condimentada, com presença evidente de coentro e pimenta, com leves notas da erva-doce que foi adicionada à receita. Principal falha foi harmonizar o álcool à receita, que aparece de forma excessiva tanto no aroma como no paladar. Forte aquecimento alcoólico. Garrafa de 330ml adquirida por R$ 25,84 através do site beer.com.br. Copos recomendados: Trappist Glass e Tulip.

Nota: 55 skol ou 2.9/5.0

Leia mais em

segunda-feira, 12 de agosto de 2019

BALTIKA 0

Diagnóstico

Esta Low-alcohol Wheat russa tem espuma imensa, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Excelente formação de colarinho. Corpo turvo e amarelo. Aroma: malte moderado, leve lúpulo, cítrico de limão, leve levedura e massa de pão. Sabor inicial: moderado dulçor e leve acidez. Sabor final: moderadas acidez e dulçor, com suave amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Dulçor cítrico, saboroso; refrescante, opção razoável para quem não está podendo beber álcool. Copos recomendados: Weizen e Tumbler.

Nota: 7 skol ou 2.8/5.0

Leia mais em

sexta-feira, 9 de agosto de 2019

PROVIDÊNCIA CASCAHELL

Descrição comercial

Cascahell é uma autêntica ESB - Extra Epecial Bitter, estilo típico da Inglaterra - que recebe esse nome como forma de fazer uma pequena brincadeira com a cidade onde foi criada, Cascavel no Paraná. De coloração cobre intenso, exibe marcante perfil de malte, apresentando notas intensas de cereais e caramelo. Existe perfeito equilíbrio entre o malte e o lúpulo, fazendo com que o amargor seja suave e agradável, porém a estrela da cerveja é sem dúvida o malte utilizado que se sobressai tanto no sabor quanto nos aromas.

Diagnóstico

Esta ESB brasileira tem espuma média, esbranquiçada e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo translúcido e âmbar-escuro. Aroma: malte pesado, caramelo, chocolate meio amargo, café suave, leve lúpulo e uva-passa. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor e leve amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada/oleosa, forte carbonatação e final metálico. Leves notas de café aparecem também no paladar, a exemplo do aroma (o mesmo acontece com o chocolate, que, no paladar, lembra mais a variedade ao leite). Perfil de malte me lembrou mais assado que tostado. Amargor lupulado dá certo equilíbrio no final, mas o perfil maltado prevalece mais do que as BJCP apregoam, surgindo como defeito. Mesmo assim, cerveja saborosa. Copo recomendado: English Pint. 

Nota: 50 skol ou 3.2/5.0

Leia mais em

quinta-feira, 8 de agosto de 2019

PROVIDÊNCIA JARARAPA

Diagnóstico

Esta English Pale Ale brasileira tem espuma média, cremosa, esbranquiçada e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo transparente e âmbar-escuro. Aroma: moderado malte assado, leve lúpulo e amanteigado. Sabor inicial: moderado dulçor e leve amargor. Sabor final: moderados dulçor e amargor; média duração. Paladar: corpo médio, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. O sabor bem metálico surge como defeito; vencimento no mês seguinte pode explicar a falha. Perfil inglês, como prometido no rótulo. Saborosa, com bastante malte inicialmente e no final equilíbrio fornecido pelo lúpulo, mas mesmo assim o malte prevalece no paladar. Agradável. Copos recomendados: Lager Glass e Shaker.

Nota: 40 skol ou 2.9/5.0

Leia mais em

quarta-feira, 7 de agosto de 2019

PROVIDÊNCIA SUCURIPA

Diagnóstico

Esta IPA brasileira tem espuma volumosa, esbranquiçada e com bolhas, de persistente longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo claro e âmbar-escuro. Aroma: malte moderado, caramelo, lúpulo moderado, pinho e leve laranja. Sabor inicial: moderado dulçor e leve amargor. Sabor final: leve dulçor e moderado amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Boa picância de lúpulo, condimentada, me lembrou bem a escola inglesa. O dulçor maltado equilibra bem o lúpulo, inclusive o equilíbrio pende mais para este ingrediente, mas sem ser enjoativa, muito pelo contrário. Cerveja elegante, de boa drinkability. Copos recomendados: Shaker e Tulip.

Nota: 95 skol ou 3.5/5.0

Leia mais em

terça-feira, 6 de agosto de 2019

SALZBURG EVIDÊNCIAS

Descrição comercial

A NewAge lança a edição especial da cerveja Salzburg Evidências. A ideia do projeto “Evidências” – inspirado pelo grande sucesso da dupla Chitãozinho & Xororó e na recente turnê de mesmo nome – surgiu após a marca participar como colaboradora em um evento beneficente realizado pelo hospital Sobrapar, em Campinas (SP), onde a atração principal era a dupla sertaneja. A cerveja Salzburg tem inspiração austríaca, desenvolvida com puro malte de origem (tipo Premium Lager) e produzida com ingredientes selecionados, com coloração dourada.

Diagnóstico

Esta Pale Lager paulista tem espuma média, branca e com bolhas, de longevidade bem reduzida. Boa formação de colarinho. Corpo claro, borbulhante e amarelo. Aroma: malte moderado, pão branco e leve mel. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor, suave dulçor e leves notas salgadas; média duração. Paladar: corpo médio, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Dulçor maltado, mas lembrança de levedura excessiva, bem como toques alcoólicos no final, que desvirtuam o estilo. Mesmo assim, acima da média comercial brasileira. Copo recomendado: Lager Glass.

Nota: 5 skol ou 2.6/5.0

Leia mais em

segunda-feira, 5 de agosto de 2019

BALI HAI PREMIUM LAGER

Descrição comercial

Feita conforme a Lei de Pureza Alemã de 1516. Cerveja puro malte Premium American Lager, sem conservantes. Composição: água, malte, lúpulo e levedura.

Diagnóstico

Esta Premium Lager catarinense tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo. Aroma: leve malte, leve lúpulo, cítrico de limão e massa de pão. Sabor inicial: leve dulçor e suave acidez. Sabor final: leves dulçor e acidez, com suave amargor; longa duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final levemente adstringente. Diferenciada pelos toques cítricos lembrando Berliner Weisse (não sei se foi acidental ou proposital), cujo azedume não agride. Refrescante, acima da media comercial brasileira. Copo recomendado: Lager Glass.

Nota: 5 skol ou 2.4/5.0

Leia mais em

sexta-feira, 2 de agosto de 2019

MECKLENBURGER PILSENER

Diagnóstico

Esta Pilsener alemã tem espuma volumosa, cremosa, branca e com bolhas, de persistente longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo claro, borbulhante e amarelo. Aroma: leve malte, pão branco, cereais e metálico. Sabor inicial: leve dulçor. Sabor final: suave dulçor e leve amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Dulçor maltado permeado por forte presença metálica no paladar, surgindo como defeito, mesmo com o vencimento sendo em 11 meses. Ligeiramente acima da média comercial brasileira. Copos recomendados: Flute e Footed Pilsener.

Nota: 4 skol ou 2.3/5.0

quinta-feira, 1 de agosto de 2019

WEINBIER 59 (IPA)

Descrição comercial

Na receita 59 Der Alchimist menciona um ingrediente secreto e que está presente em todas as suas criações anteriores Wienbier, uma combinação de maltes e lúpulos cultivados por camponeses nas regiões altas do Médio Oriente no séc. XVI. Esta cerveja possui uma combinação com doses generosas de lúpulo e álcool, uma das alternativas encontrada pelo nosso mestre para que a cerveja resistisse a viagens longas, pois o lúpulo é um conservante natural e o alto teor alcoólico a deixa menos apta a contaminações. E assim nasceu a Wienbier India Pale Ale, uma cerveja para paladares exclusivos, exigentes, de personalidade forte, amargor consistente e espuma encorpada. E com 7,0% de teor alcoólico, é especial para apreciadores de sabores fortes e marcantes, harmoniza com carnes vermelhas e pratos apimentados.

Diagnóstico

Esta IPA paulista, que me lembrou a versão inglesa do estilo, tem espuma pequena, esbranquiçada e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo translúcido e marrom-claro. Aroma: malte moderado, leve lúpulo, caramelo e uva-passa. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: leves dulçor e amargor; longa duração. Paladar: corpo médio, textura oleosa, forte carbonatação e final metálico. Dulçor maltado lembra caramelo, biscoito e uva-passa, o que nunca vi em uma IPA antes. Apesar de desvirtuar o estilo, saborosa. Amargor lupulado característico do estilo aparece mais para o final, equilibrando bem o dulçor excessivo do inicio. Curiosa, fugindo da média do estilo. Me surpreendeu. Copos recomendados: Shaker e Tulip.

Nota: 90 skol ou 3.5/5.0

Leia mais em

terça-feira, 30 de julho de 2019

AMBEV SERRANA PILSEN

Diagnóstico

Esta Pale Lager paulista tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo claro e amarelo. Aroma: leve malte, pão branco, levedura moderada e massa de pão. Sabores inicial e final: média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Dulçor maltado e com leves notas de mel, com pão branco no retrogosto. Menos pior do que o esperado: um pouco acima da média das comerciais brasileiras. Lata de 350ml adquirida por cerca de R$ 2 em um posto de gasolina em Assis-SP. Copos recomendados: Dimpled Mug, Lager Glass e Shaker.

Nota: 4 skol ou 2.4/5.0

segunda-feira, 29 de julho de 2019

CASA BRUJA GOSE FRAMBOESA

Diagnóstico

Esta Gose panamenha tem espuma pequena, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo turvo e amarelo-avermelhado. Aroma: levedura moderada e framboesa. Sabor inicial: leve dulçor e moderada acidez. Sabor final: suaves acidez e amargor, com moderada acidez; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura seca, forte carbonatação e final moderadamente adstringente. Bem ácida, com lembrança de framboesa, refrescante, boa drinkability. Copos recomendados: Dimpled Mug, English Pint e Stein. Garrafa de 355ml adquirida por R$ 6,38 através do site beer.com.br.

Nota: 30 skol ou 3.0/5.0

Leia mais em

sexta-feira, 26 de julho de 2019

4 ISLANDS DON LAZARO MELON HEFEWEIZEN



Descrição comercial

Extrema drinkability. Corpo leve, agradável sabor suave de levedura e uma porrada de melão faz desta instituição alemã uma original versão tropical.

Diagnóstico

Esta Hefeweizen holandesa tem espuma pequena, branca e com bolhas, de longevidade bem reduzida. Moderada formação de colarinho. Corpo turvo e amarelo-escuro. Aroma: cítrico de limão, leve levedura, vinagre e suco de melão. Sabor inicial: moderada acidez. Sabor final: suaves dulçor e amargor, com moderada acidez; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura seca, forte carbonatação e final moderadamente adstringente. Lembrança de melão, principalmente no final (background), mas a lembrança principal é de sour ale, com toques ácidos de uva verde. Nada a ver com Hefeweizen, com exceção da turbidez. Copo recomendado: Weizen. Garrafa de 330ml adquirida por R$ 4,25 através do site beer.com.br.

Nota: 12 skol ou 3.0/5.0

Leia mais em

quinta-feira, 25 de julho de 2019

HACKER-PSCHORR HEFE WEISSE



Descrição comercial

Produzida com 60% de trigo e 40% de cevada - usando levedura de alta fermentação, é então lentamente lagerizada e permanece sem filtragem até o final.

Diagnóstico

Esta German Hefeweizen alemã tem espuma volumosa, cremosa e esbranquiçada, de persistente longevidade. Excelente formação de colarinho. Aroma: levedura moderada, massa de pão, banana, goma de mascar, cravo e baunilha. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor e leve amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Dulçor lembra banana, cravo e levedura. Toque metálico final excessivo, surgindo como Equilibrada. Leves notas de goma de mascar acentuam o sabor, dulçor e equilíbrio de banana, sem ser dominantes. Aparece o suave sabor complementar de pão, proveniente do malte. O amargor de lúpulo, como previsto nas diretrizes, é próximo do zero. Cerveja agradável e equilibrada, porém sem agradar muito ao meu paladar. Garrafa de 500ml adquirida por cerca de R$ 12 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai. Copo recomendado: Weizen.

Nota: 40 skol ou 3.6/5.0

Leia mais em

quarta-feira, 24 de julho de 2019

FOURPURE INDY LAGER

Descrição comercial

Produzida com os melhores maltes, lúpulos alemães aromáticos clássicos e nossa levedura de lager "da casa" é maturada em baixas temperaturas para conferir um delicado sabor de lúpulo e toques ácidos de limão. É uma cerveja artesanal refrescante e fácil de beber, com final suave e limpo.

Diagnóstico

Esta Helles/Dortmunder inglesa tem espuma média, esbranquiçada e com bolhas, de reduzida longevidade. Excelente formação de colarinho. Corpo claro, borbulhante e amarelo. Aroma: malte moderado (adocicado, lembrando grãos) e metálico. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: leve dulçor e suave amargor; curta duração. Paladar: corpo médio-leve, textura seca, forte carbonatação e final metálico. Perfil de fermentação limpo e agradável, com o malte dominando o equilíbrio. Achei bem sem graça, espuma não é persistente nem cremosa, como apregoam as BJCP. Dulçor maltado, agradável, mas permeado por sabor metálico excessivo que surge como defeito. Equilibrada. Background lembra pão branco. Garrafa de 500ml adquirida por R$ 4,25 através do site beer.com.br. Copo recomendado: Lager Glass.

Nota: 9 skol ou 2.7/5.0

Leia mais em

terça-feira, 23 de julho de 2019

WYCHWOOD HOBGOBLIN GOLD

Descrição comercial

Por mais que a Gold tenha cor mais clara, ela definitivamente não é uma peso-leve. Com teor alcoólico de 4,5%, a combinação de quatro variedades de lúpulo e uma infusão de trigo e cevada maltada resultado na perfeita cerveja dourada - com fortes toques lupulados. 

Diagnóstico

Esta Golden/Blond Ale inglesa tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo transparente e dourado-escuro. Aroma: leve malte, caramelo, lúpulo moderado, maracujá e metálico. Paladar: corpo médio-leve, textura seca, forte carbonatação e final metálico. Delicioso amargor lupulado com perfil herbáceo, permeado por dulçor de frutas tropicais, lembrando maracujá, sem, no entanto, puxar para IPA. Malte em presença bem suave no paladar, lembrando pão branco em pequena proporção, sem prejudicar o conjunto. Bem refrescante, alta drinkability. Copos recomendados: English Pint e Shaker. Garrafa de 500ml adquirida por cerca de R$ 14 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai.

Nota: 60 skol ou 3.2/5.0

Leia mais em

segunda-feira, 22 de julho de 2019

RINGWOOD BOONDOGGLE

Diagnóstico

Esta Golden/Blond Ale inglesa tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo dourado e transparente. Aroma: leve malte, lúpulo moderado, cítrico, abacaxi e alcaçuz. Sabor inicial: moderado dulçor e suave acidez. Sabor final: leves dulçor e acidez, com suave amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, média carbonatação e final metálico. Média presença maltada, fugindo das BJCP. Sabor traz dulçor e acidez que lembram abacaxi, assim como o aroma. Amargor abaixo das diretrizes. Saborosa e refrescante, com boa drinkability. Copos recomendados: English Pint e Shaker. Garrafa de 500ml adquirida por cerca de R$ 12 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai.

Nota: 50 skol ou 3.1/5.0

Leia mais em

sexta-feira, 19 de julho de 2019

BRAKSPEAR OXFORD GOLD

Descrição comercial

Ingredientes: maltes Pale e Cristal e lúpulos Styrian Golding, Golding, Fuggle e Admiral. Brakspear A Oxford Gold é uma cerveja bem pungente, com aromas cítricos e sabor firme e frutado. Maltes Pale Ale fornecem à esta cerveja uma tonalidade dourada, realçada por um punhado de maltes cristal para dar corpo, textura e um delicado final com toques de mel.

Diagnóstico

Esta Bitter inglesa tem espuma volumosa, esbranquiçada e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo claro e âmbar. Aroma: malte moderado, caramelo, leve limão e mel. Sabor inicial: moderado dulçor e leve amargor. Sabor final: suave dulçor e moderado amargor; longa duração. Paladar: corpo médio, textura seca, forte carbonatação e final metálico. Base bem maltada, com dulçor lembrando caramelo, mas bem equilibrada pelo amargor típico do estilo. Mais encorpada do que prevêem as BJCP. Moderado sabor de lúpulo com caráter resinoso; o perfil do malte lembra pão escuro. Garrafa de 500ml adquirida por cerca de R$ 14 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai. Copo recomendado: English Pint.

Nota: 60 skol ou 3.3/5.0

Leia mais em

quinta-feira, 18 de julho de 2019

ROCKBIRD CRAFT ATOMIC WATERMELON



Descrição comercial

Gose com adição de melancia, hortelã, gengibre e sal marinho.

Diagnóstico

Esta Gose carioca tem espuma volumosa, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Aroma: cítrico de limão, levedura moderada, vinagre e melancia. Sabores inicial e final: suave dulçor e moderada acidez; curta duração. Paladar: corpo leve-médio, textura seca, forte carbonatação e final levemente adstringente. Suave dulçor traz lembrança de melancia, ao contrário do esperado; porém, o azedume/acidez é mais forte, mas evanesce rápido. Saborosa e refrescante. Drinkability maior que da média do estilo. Leve presença de hortelã no background, mas gengibre presente na receita não consegui perceber. Garrafa de 500ml adquirida por R$ 6,38 através do site beer.com.br. Copos recomendados: Dimpled Mug, English Pint e Stein.

Nota: 30 skol ou 3.2/5.0

Leia mais em

quarta-feira, 17 de julho de 2019

ROGUE YELLOW SNOW PILSNER



Descrição comercial

Esta Pils inspirada no inverno é uma Pilsner clássica de boa drinkability envasada com pontas de picea. Como uma respirada funda de ar fresco do noroeste norte-americano, a Yellow Snow é fresca e limpa, com refrescantes notas de spruce fazendo desta Pils uma ocasião agradável constantemente. Ao contrário da crença popular, as pontas de picea não tem sabor de árvores de natal. Ao invés disso, elas conferem aromas sutis mas complexos e sabores de chiclete, cítrico e resina. Ingredientes: maltes Weyerman Pils e Carabelge, lúpulos Perle e Sterling, pontas de picea, levedura de pilsener tcheca e água costeira da região.

Diagnóstico

Esta Pilsener norte-americana tem espuma média, branca e com bolhas, de longevidade bem reduzida. Boa formação de colarinho. Corpo amarelo e transparente. Aroma: malte moderado, grãos, bolacha de agua e sal, levedura moderada, massa de pão, queijo e mel. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor e suave amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura seca, forte carbonatação e final metálico. Sabor artificial de morango, como em balas. Sabor herbáceo, cuja a promessa vem da inclusão de pontas da arvore conífera picea na receita. Copos recomendados: Flute e Footed Pilsener. Lata de 350ml adquirida por cerca de R$ 12 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai.

Nota: 14 skol ou 2.8/5.0

Leia mais em

terça-feira, 16 de julho de 2019

SHIPYARD AMERICAN IPA

Diagnóstico

Esta American Pale Ale norte-americana tem espuma média, esbranquiçada e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo claro e amarelo-escuro. Aroma: leve malte, caramelo, lúpulo moderado, grama e pinho. Sabor inicial: leve dulçor e moderado amargor. Sabor final: suave dulçor e leve amargor; média duração. Paladar: corpo médio, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Lúpulo com perfil de pinho permeada por malte com perfil de caramelo: equilibrada. Boa picância de lúpulo, agradável, boa drinkability. Garrafa de 500ml adquirida por cerca de R$ 12 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai. Copos recomendados: Lager Glass, Shaker e Tulip.

Nota: 60 skol ou 2.9/5.0

Leia mais em

sexta-feira, 12 de julho de 2019

HACKER-PSCHORR MÜNCHNER GOLD

Diagnóstico

Esta Helles/Dortmunder Export alemã tem espuma volumosa, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado, mel e cereais. Sabor inicial: moderado dulçor (lembra puro malte brasileiras, mas mais refinada). Sabor final: suave amargor e leve dulçor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, forte carbonatação, textura aguada e final metálico. Saborosa, com alta drinkability. Garrafa de 500ml adquirida por cerca de R$ 12 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai. Copo recomendado: Lager Glass.

Nota: 25 skol ou 3.3/5.0

Leia mais em

quinta-feira, 11 de julho de 2019

RINGWOOD CIRCADIAN EVERYDAY IPA

Descrição comercial

Uma Session India Pale Ale lupulada e saborosa.

Diagnóstico

Esta Session IPA inglesa tem espuma pequena, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-escuro. Aroma: grama, maracujá, metálico, leve lúpulo, moderado malte e massa de pão. Sabor inicial: moderado dulçor (maracujá e maltado) e leve amargor. Sabor final: leves dulçor e amargor (lembrando grama); longa duração. Paladar: corpo médio, forte carbonatação, textura aguada/oleosa e final metálico. Boa picância de lúpulo. Lúpulo com caráter de frutas tropicais. Alta drinkability - agradável, como o estilo deve ser. Garrafa de 500ml adquirida por cerca de R$ 12 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai. Copos recomendados: English Pint, Stem Glass, Shaker e Tumbler.

Nota: 90 skol ou 3.5/5.0

Leia mais em

quarta-feira, 10 de julho de 2019

PERONI NASTRO AZZURRO

Diagnóstico

Esta Premium Lager italiana tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo. Aroma: leve malte, levedura moderada, massa de pão. Sabor inicial: moderado dulçor e leve amargor. Sabor final: leves dulçor e amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Pão liquido com lembrança de mel, me lembrou Czech Pilsner. Garrafa de 750ml adquirida por cerca de R$ 8 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai. Copo recomendado: Lager Glass.

Nota: 10 skol ou 3.2/5.0

Leia mais em

terça-feira, 9 de julho de 2019

PATAGONIA KUNE

Descrição comercial

A Patagonia Pale Ale é uma cerveja feita com a combinação de 2 lúpulos patagônicos, as variedades Mapuche e Victoria (Vic Secret).

Diagnóstico

Esta American Pale Ale argentina tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado, levedura moderada e mel. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: leves dulçor e amargor; média duração. Garrafa de 750ml adquirida por R$ 10 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai. Copos recomendados: Lager Glass, Shaker e Tulip.

Nota: 2.9/5.0

Leia mais em

segunda-feira, 8 de julho de 2019

PATAGONIA KILOMETRO 24.7

Descrição comercial

Esta Session IPA argentina tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-escuro. Aroma: leve malte, lúpulo moderado, grama, laranja e maracujá. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor, suave acidez e leve amargor; longa duração. Paladar: corpo médio, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Dulçor maltado e frutado, lembrando maracujá, lúpulo com perfil frutas tropicais. Copos recomendados: English Pint, Stem Glass, Shaker e Tumbler. Garrafa de 750ml adquirida por cerca de R$ 8 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai.

Nota: 80 skol ou 3.4/5.0

sexta-feira, 5 de julho de 2019

MIKKELLER STICK A FINGER IN THE SOIL

Descrição comercial

Uma cerveja fácil de beber e que te deixa querendo mais. Aroma agridoce com casca de laranja caramelizada, casca de limão, pinho e frutas tropicais maduras. No paladar, amargor cítrico finamente equilibrado com manga e notas maltadas e salgadas.

Diagnóstico

Esta American Pale Ale dinamarquesa tem espuma cremosa, esbranquiçada e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo claro, borbulhante e amarelo-escuro. Aroma: leve malte, lúpulo moderado, grama, pinho e maracujá. Sabor inicial: leves dulçor e amargor. Sabor final: leves dulçor e amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Muito refrescante, deliciosa. Alta drinkability. Sabor de maracujá, fresca. O caráter de lúpulo traz frutas tropicais, cítricas e pinho. Garrafa de 330ml adquirida por R$ 4,25 através do site beer.com.br. Copos recomendados: Lager Glass, Shaker e Tulip.

Nota: 80 skol ou 3.5/5.0

Leia mais em

quinta-feira, 4 de julho de 2019

TO OL BLACK MALTS & BODY SALTS BLACK COFFEE IIPA

Descrição comercial

Uma Black Imperial IPA feita com maltes escuros, sais de corpo e café francês prensado.

Diagnóstico

Esta Black IPA dinamarquesa tem espuma média, marrom-clara e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho Corpo opaco, negro e com partículas médias. Aroma: malte assado moderado, pão preto, chocolate meio amargo, café suave e leve toque de frutas tropicais. Sabor inicial: moderado dulçor e leve amargor. Sabor final: moderado dulçor e leve amargor; longa duração. Paladar: corpo médio-cheio, textura aguada/oleosa, forte carbonatação e final metálico e levemente alcoólico. Aroma de malte é BEM mais forte que o do lúpulo, fugindo das BJCP, dulçor maltado lembra chocolate, lúpulo com carater de pinho no paladar. Médio aquecimento alcoólico, mas esconde bem o teor de quase 10%. Paladar traz lembrança de frutas secas, especialmente ameixa-seca, o que é extremamente raro para o estilo (ao menos em minha experiência). O amargor aparece mais no final do gole, sem agredir, como apregoam as BJCP. A maior discrepância é o balanço evidente para o malte. Copos recomendados: Shaker e Tulip. Garrafa de 330 ml adquirida por R$ 21,25 através do site beer.com.br.

Nota: 120 skol ou 3.7/5.0

Leia mais em

terça-feira, 2 de julho de 2019

HIVER THE HONEY BEER

Descrição comercial

A Hiver nasceu de uma admiração pelos apicultores urbanos de Londres e uma paixão por cerveja artesanal. Usamos mel urbano e rural para criar uma cerveja Blonde completamente britânica, que é maturada e não-pasteurizada. Diminuímos os lúpulos e enfatizamos os sabores naturais de mel com um malte orgânico especial. Cerveja e mel, como não amar?

Diagnóstico

Esta Golden/Blond Ale inglesa tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-escuro. Aroma: malte e levedura moderados, massa de pão, maçã e mel. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: leves dulçor e amargor; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Bem maltada, com forte sabor de mel, mas que evanesce bem rápido. Copos recomendados: English Pint e Shaker. Garrafa de 330ml adquirida por R$ 4,25 através do site beer.com.br.

Nota: 8 skol ou 2.6/5.0

Leia mais em

segunda-feira, 1 de julho de 2019

ROGUE FARMS HONEY KÖLSCH

Descrição comercial

Localizadas bem em frente aos 40 acres dos lúpulos Rogue, 119 colônias de abelhas foram cuidadosamente mantidas e alimentadas, e o mel foi removido, filtrado e finalmente infundido em uma refrescante Honey Kolsch Ale. 

Diagnóstico

Esta Kolsch norte-americana tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo claro, borbulhante e de tonalidade dourado-clara. Aroma: malte moderado, massa de pão, levedura moderada e mel. Sabor inicial: moderado dulçor e suave acidez. Sabor final: leves dulçor e amargor, com suave acidez; média duração. Paladar: corpo médio-leve, textura seca, forte carbonatação e final metálico. Aroma mais maltado do que sugerem as BJCP; leve acidez destoa do estilo. Mel perceptível no retrogosto, em pequena dose, harmonizando bem com o conjunto. Uma série de discrepâncias com as BJCP. (faltou atenuação, dulçor cítrico perceptível e baixo amargor). Boa drinkability. Lata de 350ml adquirida por cerca de R$ 12 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai. Copo recomendado: Kölsch.

Nota:10 skol ou 3.1/5.0

Leia mais em

sexta-feira, 28 de junho de 2019

ALMADA PURO MALTE

Descrição comercial

Almada, uma região nobre de Portugal escolhida para abrigar uma fortaleza que protegia a maior riqueza já descoberta pelos homens, o ouro. Este nome significa força e nobreza e traz uma cerveja com a mesma intensidade, com coloração dourada e sabor único, feita com ingredientes importados e selecionados e o mais puro malte.

Diagnóstico

Esta American Pale Lager brasileira tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Boa formação de colarinho. Corpo amarelo, claro e borbulhante. Aroma: malte moderado e pão branco. Sabor inicial: moderado dulçor. Sabor final: moderado dulçor e leve amargor; média duraçaõ. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Saboroso dulçor maltado, sem gosto de pão, o que surge como diferencial. Seu leve amargor ajuda a equilibrar o que poderia ser um dulçor enjoativo (boa atenuação). Boa drinkability, ligeiramente acima da média das puro malte brasileiras. Copos recomendados: Dimpled Mug, Lager Glass e Shaker. Lata de 350ml adquirida por R$ 1,50 no supermercado Cidade Canção, em Cornélio Procópio-PR.

Nota: 6 skol ou 2.6/5.0

Leia mais em

quinta-feira, 27 de junho de 2019

ROGUE FARMS 6 HOP IPA

Descrição comercial

A primeira de uma colheita fresca e IPAs da Rogue Farms, produzida inteiramente com ingredientes que nós mesmos plantamos no renomado vale Willamette, em Oregon. Os lúpulos Revolution, Independent, Alluvial, Rebel, Liberty e Freedom incluídos na 6 Hop IPA criam uma IPA equilibrada e bebível, produzida do chão ao copo.

Diagnóstico

Esta IPA norte-americana tem espuma pequena, esbranquiçada e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo âmbar e enevoado. Aroma: malte moderado, maracujá, terroso e frutas tropicais. Sabor inicial: moderado dulçor e leve amargor. Sabor final: leves dulçor e amargor; longa duração. Amargor resinoso. Dulçor maltado, lembrando maracujá e laranja. Paladar: corpo médio-leve, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Muito refrescante e saborosa. Alta drinkability. Caráter lupulado de frutas tropicais. Lata de 350ml adquirida por cerca de R$ 12 no Shopping China, em Salto del Guairá, Paraguai. Copos recomendados: Shaker e Tulip.

Nota: 140 skol ou 3.7/5.0

Leia mais em

quarta-feira, 26 de junho de 2019

LEUVEN RYE IPA DRACHE

Descrição comercial

Cerveja complexa no aroma devido ao dry hopping do lúpulo australiano Vic Secret e do Alemão ariana trazendo notas de frutas tropicais, Lichia, melão, maracujá e também um herbal refrescante e agradável. O centeio presente nesta receita traz uma deliciosa picância, tornando nossa cerveja ainda mais interessante! 

Diagnóstico

Esta Rye IPA paulista tem espuma média, branca e com bolhas, de reduzida longevidade. Moderada formação de colarinho. Corpo transparente e amarelo-escuro. Aroma: malte moderado, maracujá, caramelo e leve lúpulo. Lembra frutas tropicais, mas traz carater maltado de EPA. Sabor inicial; moderado dulçor e leve amargor. Sabor final: moderado dulçor e leve amargor; longa duração. Paladar: corpo médio, textura aguada, forte carbonatação e final metálico. Boa cerveja, agradável e com boa drinkability.

Nota: 90 skol ou 3.5/5.0

Leia mais em